Porto Velho,
Rss Canal YouTube Facebook Twitter


Andrea Neves está presa em ala isolada

Divulgadas fotos de Andrea Neves, irmã do senador Aécio Neves (PSDB), com uniforme de presidiária; ela foi presa nesta quinta-feira, 18, pela Polícia Federal, acusada de intermediar o encontro entre Aécio e Joesley Batista no início deste ano, ocasião em que o tucano foi gravado solicitando uma ajuda de R$ 2 milhões ao empresário para custear sua defesa em processos da Lava-Jato; mineira tinha uma passagem comprada para Londres na noite desta quinta-feira, segundo investigadores

18/05/2017 - [18:57] - Política

Minas 247 - Andrea Neves, irmã de Aécio Neves, já se encontra no Complexo Penitenciário Feminino Estevão Pinto, em Belo Horizonte. A irmã de Aécio foi presa na manhã desta quinta-feira em sua casa, em um condomínio na Região Metropolitana de Belo Horizonte. A Polícia Federal ainda não divulgou as razões do pedido de prisão.

Segundo Lauro Jardim, colunista do jornal O Globo, Andrea intermediou um encontro entre Aécio e Joesley Batista no início deste ano, ocasião em que o tucano foi gravado solicitando uma ajuda de R$ 2 milhões ao empresário para custear sua defesa em processos da Lava-Jato. A mineira tinha uma passagem comprada para Londres na noite desta quinta-feira, segundo investigadores. 

Leia reportagem da Agência Brasil sobre o assunto: 

Para garantir integridade física, Andrea Neves está presa em ala isolada

A Secretaria de Administração Prisional de Minas Gerais (Seap) informou na tarde de hoje (18) que Andrea Neves, irmã do senador Aécio Neves (PSDB-MG), está presa em uma ala separada do pavilhão principal do Complexo Penitenciário Feminino Estevão Pinto, em Belo Horizonte. A decisão foi tomada com base na Lei de Execução Penal, que permite o isolamento do detento quando houver riscos à sua integridade física.

"Essa separação se dá em razão do tipo de crime, das condições em que se deu a prisão e da repercussão do caso", informou em nota a Seap. Andrea está em uma cela individual com cama, vaso sanitário e chuveiro. Como qualquer outro preso, ela terá alimentações diárias, banho de sol, assistências médica e psicossocial, além do direito de receber visitas conforme as regras do sistema penitenciário.

Andrea deu entrada na unidade prisional às 14h40. Ela foi presa preventivamente por determinação do ministro do Superior Tribunal Federal (STF) Edson Fachin, relator dos processos da Operação Lava Jato na Corte.

Segundo reportagem do jornal O Globo, Aécio foi citado pelo empresário Joesley Batista, dono do grupo JBS, em depoimento de delação premiada homologada pelo STF. O delator contou aos procuradores que Aécio lhe pediu R$ 2 milhões para pagar despesas com sua defesa na Operação Lava Jato. Andrea Neves seria participante da transação.

Fachin negou o pedido de prisão preventiva de Aécio, mas determinou o afastamento dele do mandato. Também foram presos Frederico Pacheco de Medeiros, primo de Aécio, e Mendherson Souza Lima, assessor do senador Zezé Perrella (PMDB-MG). Segundo o jornal O Globo, a Polícia Federal identificou que os recursos pedidos por Aécio ao dono da JBS foram depositados na conta de uma empresa de Zezé Perrella.


Comentários

Preencha o formulário abaixo e clique em "Comentar" para enviar seu comentário


ComentÁrios Facebook


Mais Notícias

Opinião TV

+ Vídeos

publicidade

E-mail: [email protected] - [email protected]

Diretor Comercial Luiz Carlos Ferreira - Jornalista Responsavél Luka Ribeiro

Telefone: (69) 3221 4532 e (69) 3221 4532

Endereço: Av Getulio Vargas 2086 - Sala Comercial 5 , Bairro: Nossa Senhora das Graças - CEP: 76804-114

Cidade/Estado: Porto Velho/RO

É autorizada a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação,
eletrônico ou impresso, informando a fonte em nome de Gente de Opinião

Gente de Opinião | Copyright © 2017 | Todos os direitos reservados