Porto Velho,
Rss Canal YouTube Facebook Twitter


Doria assume viés fascista e agride Dilma e Lula: 'anta' e 'sem vergonha'

Ao perder terreno na disputa presidencial para o deputado Jair Bolsonaro (PSC-RJ), que se isola como adversário de Lula na disputa presidencial, o prefeito de São Paulo, João Doria, revelou mais uma vez seu lado perigoso, autoritário e fascista, ao discursar em São Bernardo do Campo (SP), neste sábado; em seu discurso, ele definiu a presidente legítima Dilma Rousseff como "anta" e o ex-presidente Lula, condenado sem provas nesta semana, como "sem vergonha"; agressividade de Doria tem irritado tucanos – FHC o considera um gestor de Facebook, José Serra o vê como um blefe e Geraldo Alckmin pretende enquadrá-lo rapidamente; neste sábado, Doria foi também alvo de um escracho e fez com que a guarda civil metropolitana prendesse um manifestante

15/07/2017 - [20:29] - Política

SP 247 – O prefeito de São Paulo, João Doria, do PSDB, parece ter perdido as estribeiras ao constatar que está distante do deputado Jair Bolsonaro (PSC-RJ), que parece se consolidar como o nome da extrema direita para disputar a presidência da República com o ex-presidente Lula em 2010 (confira aqui pesquisa divulgada neste sábado).

Neste sábado, ele revelou mais uma vez seu lado perigoso, autoritário e fascista, ao discursar em São Bernardo do Campo (SP). Em seu discurso, ele definiu a presidente legítima Dilma Rousseff como "anta" e o ex-presidente Lula, condenado sem provas nesta semana, como "sem vergonha".

"O povo de São Bernardo sabe quem é o mentiroso e sem vergonha do Lula", disse o tucano. "Os petistas não sabem o que é trabalho porque têm o espelho do Lula, que é o espelho da vagabundagem de quem trabalhou oito anos na vida e depois viveu das benesses do poder, dos amigos e do dinheiro de empreiteiras. Nós preferimos acordar cedo e trabalhar", afirmou ainda o tucano, que aparece nos Panamá Papers, a lista de indivíduos com recursos em paraísos fiscais.

A agressividade de Doria tem irritado tucanos – FHC o considera um gestor de Facebook, José Serra o vê como um blefe e Geraldo Alckmin pretende enquadrá-lo rapidamente.

Neste sábado, Doria foi também alvo de um escracho e fez com que a guarda civil metropolitana prendesse um manifestante.

Doria já perdeu vários secretários, que não engolem seu estilo, e tenta se viabilizar candidato surfando na onda antipetista insuflada pela extrema direita. Ele tem pressa porque sabe que, rapidamente, sua administração ancorada em factoides será rapidamente percebida como um fracasso pelos paulistanos.

O tucano também não costuma dar um pio sobre seu aliado Michel Temer, considerado corrupto por 80% dos brasileiros.


Comentários

Preencha o formulário abaixo e clique em "Comentar" para enviar seu comentário


ComentÁrios Facebook


Mais Notícias

E-mail: redacao@gentedeopiniao.com.br - gentedeopiniao@gmail.com

Diretor Comercial Luiz Carlos Ferreira - Jornalista Responsavél Luka Ribeiro

Telefone: (69) 3221 4532 e (69) 3221 4532

Endereço: Av Getulio Vargas 2086 - Sala Comercial 5 , Bairro: Nossa Senhora das Graças - CEP: 76804-114

Cidade/Estado: Porto Velho/RO

É autorizada a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação,
eletrônico ou impresso, informando a fonte em nome de Gente de Opinião

Gente de Opinião | Copyright © 2017 | Todos os direitos reservados