Porto Velho,
Rss Canal YouTube Facebook Twitter


Funaro citou Temer em tentativa de delação

O empresário Lúcio Funaro citou Michel Temer nas conversas que teve entre janeiro e fevereiro na Procuradoria-Geral da República, quando negociava um acordo de delação premiada; ele participou de cerca de cinco reuniões – duas delas na Papuda, onde está preso, e as outras no prédio no MPF, mas a delação não se concretizou

19/05/2017 - [07:06] - Política

247 - Em suas negociações para um acordo de delação premiada, o empresário Lúcio Funaro citou Michel Temer nas conversas que teve entre janeiro e fevereiro na Procuradoria-Geral da República.

Ele participou de cerca de cinco reuniões – duas delas na Papuda, onde está preso, e as outras no prédio no MPF, mas a delação não se concretizou.

As informações são da Coluna do Estadão.

"Quem acompanhou as negociações diz que as conversas travavam quando o tema era JBS. Joesley Batista, dono da empresa, admitiu em delação que pagava mesada de R$ 400 mil para que Funaro não abrisse o bico e que informou Temer sobre isso.

Funaro escreveu numa sala do MPF um resumo do que poderia contar na delação. Não fez isso da Papuda porque após estripulias de outro preso, o ex-senador Luiz Estevão, o presídio passou a ler o que escrevem os internos."


Comentários

Preencha o formulário abaixo e clique em "Comentar" para enviar seu comentário


ComentÁrios Facebook


Mais Notícias

publicidade

E-mail: [email protected] - [email protected]

Diretor Comercial Luiz Carlos Ferreira - Jornalista Responsavél Luka Ribeiro

Telefone: (69) 3221 4532 e (69) 3221 4532

Endereço: Av Getulio Vargas 2086 - Sala Comercial 5 , Bairro: Nossa Senhora das Graças - CEP: 76804-114

Cidade/Estado: Porto Velho/RO

É autorizada a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação,
eletrônico ou impresso, informando a fonte em nome de Gente de Opinião

Gente de Opinião | Copyright © 2017 | Todos os direitos reservados