Porto Velho (RO) terça-feira, 2 de junho de 2020
×
Gente de Opinião

Silvio Persivo

Banco Mundial afirma que o Brasil se destaca como melhor país no combate ao covid-19

Rapidez e acerto das medidas, inclusive em relação ao comércio internacional destacam o nosso país na crise


Banco Mundial afirma que o Brasil se destaca como melhor país no combate ao covid-19  - Gente de Opinião

O Banco Mundial emitiu uma nota de orientação sobre gerenciamento de risco e facilitação do comércio durante a pandemia do coronavírus e classificou o Brasil como melhor exemplo a ser seguido para lidar com o comércio internacional, visando minimizar o impacto da doença na economia. A nota afirma que a manutenção do fluxo de comércio será de suma importância para o suprimento de alimentos e itens médicos em diversos países, com isto diminuindo o impacto negativo sobre empregos em escala global. E pede que, ao invés dos países fecharem suas fronteiras e adotarem medias protecionistas, façam a remoção de tarifas de importação e outros impostos na fronteira para equipamentos e produtos, incluindo alimentos

O banco destaca que com as medidas adotadas pelo Brasil em 17 de março, ao introduzir nova legislação que permite que artigos como desinfetantes, géis anti-sépticos, máscaras protetoras e outros essenciais necessários aos hospitais e farmácias sejam comercializados de forma facilitada, empregos ficam salvos e torna-se uma área a menos na economia global afetada pela crise e pedem que os demais países sigam o exemplo do Brasil.

* O conteúdo opinativo acima é de inteira responsabilidade do colaborador e titular desta coluna. O Portal Gente de Opinião não tem responsabilidade legal pela "OPINIÃO", que é exclusiva do autor.

Mais Sobre Silvio Persivo

Coletiva do ranking ABAD/Nielsen destaca região norte e  os cinco maiores faturamentos de Rondônia no segmento

Coletiva do ranking ABAD/Nielsen destaca região norte e os cinco maiores faturamentos de Rondônia no segmento

A ABAD (Associação Brasileira de Atacadistas Distribuidores), que representa mais de quatro mil empresas de todo o Brasil, de um segmento que movime

As perspectivas depois da crise do coronavírus

As perspectivas depois da crise do coronavírus

Os setores mais ricos, aliados com a esquerda supostamente progressista, até por oposição à Bolsonaro, mas, sem nenhuma consideração pelas consequên

A crise do coronavírus e seus impactos na cultura

A crise do coronavírus e seus impactos na cultura

Um dos setores mais profundamente impactados pela crise do coronavírus foi o setor cultural, em especial a denominada economia criativa, a parte da

Nem as máscaras nos tornam iguais

Nem as máscaras nos tornam iguais

É verdade. Antes usar máscara era coisa de bandidos ou de heróis marginais, como Zorro, Fantasma ou Batman. Agora não. Para sair na rua ou entrar nu